Nova Analítica Importação e Exportação LTDA

Seja bem-vindo(a), Visitante!
Faça o login ou cadastre-se aqui

 

Novidades no e-mail:

Reagentes Abcam, anticorpos primários, anticorpos secundários, kits para ELISA

PACOTES UV-Vis FARMA

Segurança alimentar, análise de resíduos

Troque o seu cromatógrafo a gás usado por um novo


Analítica

Cursos In Company Analítica

A Nova Analítica está oferecendo treinamento “in-company” com o objetivo de proporcionar o pleno uso dos instrumentos fornecidos. Promover e aumentar o aprendizado entre os clientes visando, principalmente, à aquisição de habilidades e conceitos para as diversas técnicas instrumentais. Contamos com uma equipe técnica-cientifica capacitada para transmitir todo o conteúdo e utilização dos instrumentos em diversas áreas.


Curso de cromatografia gasosa

Fundamentos:

A química analítica instrumental possui pilares em diferentes técnicas, uma delas é a cromatografia em fase gasosa. Por meio dela separam-se analitos de interesse a partir de uma amostra complexa.

À extremidade da coluna analítica ligada ao injetor se aplica uma pressão utilizando-se um gás (denominado gás de arraste). Como consequência, cria-se um fluxo que parte do injetor, corre por toda a coluna analítica e tem seu final no detector.

Além dessa função essencial a técnica, o injetor possui outra atribuição: a de promover a vaporização dos analitos de interesse (quando se trata de amostra líquida).
O princípio de separação cromatográfica reside nas diferentes intensidades de interações entre os compostos e a fase presente na coluna. Quanto mais acentuada essa interação, maior dificuldade ele terá de se desprender da fase estacionária, portanto, residindo por maior tempo na coluna analítica, sendo observado seu maior tempo de retenção. Por outro lado, menor a interação entre determinado composto e a fase, menor o tempo no interior do capilar, eluindo em tempo mais célere.

Uma vez o composto alvo vaporizado no injetor e separado pela coluna analítica dos restantes, é ele encaminhado para o detector, responsável por traduzir em sinais elétricos que são transformados em um cromatograma, isto é, plota-se um gráfico em que uma das ordenadas é o tempo e o outro a resposta gerada pelo detector.

Objetivo:

O curso em cromatografia gasosa possui o escopo não só teórico de transmitir aos usuários conceitos básicos dos princípios da cromatografia gasosa, bem como aspectos práticos de configuração do método analítico, integração e identificação de picos em um cromatograma, plotagem de curva de calibração e preparar relatórios para impressão em softwares Chromeleon 7.X ou ChromQuest 5.0.

O operador estará capacitado a realizar manutenções básicas no seu cromatógrafo Trace 1300 series ou Trace GC Ultra, envolvendo troca de septo, liner, coluna analítica e limpeza de detector.

Público alvo:

Curso destinado a usuários de cromatógrafos, seja em ambiente de pesquisa, indústria ou laboratórios prestadores de serviços.

Pré requisitos para um melhor aproveitamento:

  • Ser usuário de cromatógrafos gasosos por um tempo superior a 6 meses ou possuir destreza na técnica.
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Aspectos teóricos da cromatografia gasosa

4 h

Utilização do Software

4 h

Dia 2

Utilização do Software

4 h

Manutenção básica do cromatógrafo e detectores

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

Curso de Cromatografia Líquida ( HPLC )

Fundamentos:

A química analítica instrumental possui pilares em diferentes técnicas, uma delas é a cromatografia líquida. Através da mesma é possível separar e analisar compostos de interesse contidos dentro de uma amostra complexa ou simples. Basicamente temos uma fase estacionária por onde percorre a fase móvel, seja ela fase normal ou reversa, apolares ou polares, a amostra é injetada em linha sendo arrastada pela fase móvel através do bombeamento de bombas ultra precisas em relação ao fluxo, os analitos presentes na amostra tem características de afinidade química que os mantém retidos na coluna por determinado tempo, assim é definido o tempo de retenção, já que na saída da coluna se encontra algum dos vários detectores disponíveis para técnica. A cromatografia líquida é uma das mais célebres e utilizadas técnicas de análise química instrumental pela sua versatilidade, facilidade e abrangência faz desta uma das mais populares e preferidas técnicas de análise instrumental. A gama de vários tipos de detecção tais como: UV-Vis, DAD, RI, ELSD, MS, CAD, ECD faz com que a cromatografia líquida seja de ampla utilização desde laboratórios de controle de qualidade como laboratórios de pesquisa. Aliado aos poderosos softwares de processamento de dados, Chromeleon e ChromQuest, encontra-se as ferramentas necessárias para simples quantificação e até mesmo para comparações por similaridade ou pureza de picos, podendo ter bibliotecas de espectros de absorbância criados pelo próprio usuário ou adquirida conforme a disponibilidade do mercado, facilitando assim a mais diferentes tipos de análises e aplicações.

Objetivo:

O curso de cromatografia líquida possui o escopo não só teórico de transmitir aos usuários conceitos básicos dos princípios da cromatografia líquida, bem como aspectos práticos de configuração do método analítico, integração e identificação de picos em um cromatograma, plotagem de curva de calibração e elaboração de relatórios, além das mais diversas ferramentas dos softwares Chromeleon 7.X ou ChromQuest 5.0.

Público alvo:

Curso destinado a usuários de cromatógrafos líquidos, seja em ambiente de pesquisa, indústria ou laboratórios prestadores de serviços.

Pré requisitos para um melhor aproveitamento:

  • Ser usuário de cromatógrafos líquidos ou possuir destreza na técnica;
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Fundamentos  de Cromatografia Líquida

4 h

Utilização do Software

4 h

Dia 2

Utilização do Software

4 h

Prática HPLC e Troubleshooting

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

 

Curso de Espectroscopia de Absorção Atômica (EAA)

Fundamentos:

A espectroscópica mostra-se uma técnica analítica extremamente eficiente para as análises quantitativas e qualitativas. Cada elemento químico possui uma característica praticamente exclusiva de estrutura eletrônica e nível de energia, ou seja, para que elétron possa mudar a estrutura eletrônica, do elemento em questão, o mesmo deve receber uma quantidade mínima de energia. Isso fará com que o mesmo passe para sua forma excitada. Um absorção atômica irá desenvolver este processo fornecendo o feixe de luz com quantidade de energia “Po” que será incidido em uma quantidade de átomos. Estes irão absorver parte desta energia, tornando-se momentaneamente íons. Devido a este processo a intensidade “P” se tornará “Po”, menor que a inicial, que então será calculada através da Lei de Beer e poderá nos devolver, dentre outras formas de resposta, como Absorbância e ou %Transmitância. Além disto, o instrumento supracitado, será o responsável por calcular está diferença influenciada não só pelos átomos como também por outros fatores como comprimento de onda, caminho ótico e interferências estarão intimamente ligados a esta técnica.   

Objetivo:

Este curso abrange tópicos como princípios fundamentais, Teóricos e Práticos, de Espectroscopia de Absorção Atômica nos modos de Atomização Chama e Forno de Grafite, desenvolvimento nos respectivos acessórios, manutenção preventiva e solução de problemas.

Público alvo:

A todos nossos clientes que tem desejo do aprimoramento Teórico / Prático na Técnica de Absorção Atômica.

Pré requisitos:

  • Ser usuário de Absorção Atômica ou possuir destreza na técnica;
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Fundamentos de Espectroscopia

4 h

Introdução à instrumentação e modos de atomização.

4 h

Dia 2

Utilização do Software (Criação de métodos, limites de Quantificação e Detecção (LD/LQ) e tratamento de resultados para rotina e pesquisa)

4 h

Prática EAA (Cuidados no Preparo de Amostra e Correção de Background) e Troubleshooting

4 h

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

Curso de CURSO DE ICP-OES – iCAP 6000 ou iCAP 7000 (ICP-OES)

Fundamentos:

Técnica analítica que se baseia na emissão de radiação eletromagnética das regiões visível e ultravioleta do espectro eletromagnético por átomos neutros ou átomos ionizados excitados
Poderosa ferramenta analítica para determinação de metais, semi – metais em diversos tipos de amostras nas áreas ambiental, alimentícia, geológica, metalúrgica, petroquímica e farmacêutica, por exemplo.

ICP – OES: Produção do espectro se dá pela nebulização da amostra em solução no interior de um plasma de argônio que é ionizado por um campo magnético gerado por uma bobina de radiofrequência.

A energia é fornecida por uma fonte de radiofrequência (27 – 40 MHz)
Plasma: É a nuvem de gás altamente ionizado formado por íons, elétrons e átomos com elevada temperatura (7000 -15000K) Nas temperaturas, em que operam o ICP, há energia suficiente para promover a excitação da maioria dos elementos químicos, proporcionando alta sensibilidade com ampla faixa linear de trabalho.

Objetivo:

O objetivo do curso é ensinar os aspectos teóricos e operacionais da técnica de ICP OES Público alvo
Esse curso é destinado a estudantes, usuários e/ou futuros usuários da técnica de ICP OES

Pré requisitos para um melhor aproveitamento:

  • Ser usuário de ICP-OES ou possuir destreza na técnica;
  • Domínio do ambiente Windows;
  • Conhecimentos de Inglês técnico;
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Aspectos teóricos básicos sobre a técnica de ICP OES

4 h

Utilização do Software (Criação de métodos; Curva de calibração e seu gráfico; Uso de padrão interno; Análise de amostras, branco de preparação, QC)

4 h

Dia 2

Utilização do Software (Geração de relatórios)

4 h

Prática ICP-OES e Troubleshooting

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

 

Curso de CURSO DE ICP-MS – iCAP Q

Fundamentos:

Técnica analítica que se baseia na medida de íons carregados positivamente formados no plasma de argônio.
Poderosa ferramenta analítica para determinação de traços e ultratraços em diversos tipos de amostras nas áreas ambiental, alimentícia, geológica, metalúrgica, petroquímica e farmacêutica, por exemplo.

ICP – MS: Produção do espectro de massa se dá pela nebulização da amostra em solução no interior de um plasma de argônio que é ionizado por um campo magnético gerado por uma bobina de radiofrequência.

A energia é fornecida por uma fonte de radiofrequência (27 – 40 MHz)
Plasma: É o gás altamente ionizado formado por íons, elétrons e átomos com elevada temperatura (5000-10000K) Nas temperaturas, em que operam o ICP, há energia suficiente para promover a excitação e ionização da maioria dos elementos químicos, proporcionando alta sensibilidade com ampla faixa linear de trabalho.

Objetivo:

O objetivo do curso é ensinar os aspectos teóricos e operacionais da técnica de ICP-MS Público alvo
Esse curso é destinado a estudantes, usuários e/ou futuros usuários da técnica de ICP-MS.

Pré requisitos para um melhor aproveitamento:

  • Ser usuário de ICP-MS ou possuir destreza na técnica;
  • Domínio do ambiente Windows;
  • Conhecimentos de Inglês técnico;
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Aspectos teóricos básicos sobre a técnica de ICP-MS

4 h

Utilização do Software (Criação de métodos; Curva de calibração e seu gráfico)

4 h

Dia 2

Utilização do Software (Uso de padrão interno; Análise de amostras, branco de preparação, QC)

4 h

Utilização do Software (Geração de relatórios)

4 h

Dia 3

Prática ICP-MS

4 h

Troubleshooting

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

 

Curso de Cromatografia a gás acoplada a detector de massas Quadrupolo (ISQ Series) / Triplo Quadrupolo (TSQ Series).

Fundamentos:

Cromatografia a gás / espectrometria de massas (CG/MS) representam uma combinação de duas poderosas técnicas analíticas, Cromatografo a gás “CG” age como técnica de separação e espectrômetro de massas “MS” promovendo a detecção.

Misturas complexas ou de compostos individuais podem ser injetados no cromatografo a gás “GC “ manualmente ou através de um “autosampler” e então são separados e introduzidos no espectrômetro de massas.

O espectrômetro de massas então gerará um espetro de massas dos compostos eluidos cromatograficamente, os dados adquiridos pelo espectrômetro de massas podem ser utilizados em analises qualitativas, assim também como análises quantitativas, pois fornecem informações precisas e exatas referente aos compostos presente na amostra.

Suas aplicações abrange uma enorme quantidade de aplicações tais como:

  • Meio ambiente – Permite analises de contaminantes em matrizes como agua, solo e ar;
  • Doping – Possibilita analise de substancias proibidas em atletas que utilizam este recurso para melhorar seu desempenho de forma ilegal;
  • Química analitica forense – Possibilita analise de drogas licitas e ilícitas tais como álcool, antidepressivos, cocaína, maconha e entre outras;
  • Industria Química – Controle de processo e avaliação de matéria prima com finalidade de garantir a qualidade final dos produtos. 

Objetivo:

Este curso tem como objetivo fornecer conhecimento mais amplo aos usuários que necessitam melhorar suas habilidades na utilização dos sistemas GC/MS (ISQ series) e GC/MS/MS (TSQ8000 Series).
O curso abrange tópicos como modos de aquisição SIM/FullScan/SRM, AutoTune, analises qualitativas, análises quantitativas, melhor utilização dos recursos fornecidos pelo software (Xcalibur / Trace Finder), pratica na manutenção de rotina e solução de problemas.

Público Alvo:

Curso oferecido para profissionais que necessitam de conhecimentos mais aprofundados nos sistemas.

Pré requisitos:

  • Conhecimentos básicos relacionado as técnicas (cromatografia e Espectrometria de massas);
  • Instrumento em plena operação.

Programa:

Dia 1

Teoria sobre detectores de massas e cromatografia, todas estas aplicada ao sistema disponível.

4 h

Apresentação do sistema, manutenção de rotina e solução de problemas.

4 h

Dia 2

Configuração do sistema e calibrações.

4 h

Tipos de Calibrações e funções (Autotune/Manual tune).

4 h

Dia 3

Software (Xcalibur ou Trace Finder).

4 h

Aplicação.

4 h

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

 

Curso de Cromatografia Líquida acoplada a Espectrometria de Massas com Detectores de massas do tipo Quadrupolo MSQ/Access/Access Max/Vantage e Quantiva

Fundamentos:

A partir do final da década de 80, com o desenvolvimento das fontes de ionização a pressão atmosférica, o acoplamento das técnicas Cromatografia Líquida (LC) e Espectrometria de Massas (MS) aumentou consideravelmente a capacidade analítica dos laboratórios. Analistas acostumados aos detectores ópticos convencionais se beneficiaram do potencial analítico da MS do ponto de vista de sensibilidade, seletividade, velocidade de análise e facilidade no desenvolvimento de métodos analíticos.

Objetivo:

Este curso tem como objetivo geral fornecer um conhecimento mais amplo a usuários que necessitam melhorar suas habilidades na utilização dos sistemas LC/MS através de uma abordagem teórica e prática.

O objetivo específico é demonstrar como se trabalhar com os sistemas LC/MS com analisadores de massa do tipo Quadrupolo, e a melhor utilização dos recursos fornecidos pelos softwares (Xcalibur / TraceFinder) Além disso, as aulas práticas irão abordar os aspectos relacionados as manutenções de rotina e discussões sobre as soluções para os principais problemas que podem ser encontrados.

Público Alvo:

Este curso será oferecido para profissionais que necessitam de conhecimentos mais aprofundados e/ou específicos nos sistemas com analisadores de massa do tipo Single Quadrupolo e Triplo Quadrupolo.

Pré requisitos:

Para melhor compreensão dos pontos abordados no curso é conveniente que os participantes tenham conhecimento básico sobre as técnicas de cromatografia líquida e espectrometria de massas.
Outra recomendação importante, é que o sistema LCMS no qual será ministrado o curso esteja em plena operação.

Programa:

Dia 1

Apresentação do sistema LCMS

4 h

Manutenção geral do sistema LCMS e operações básicas do sistema LC

4 h

Dia 2

Configuração do sistema MS e calibrações.

4 h

Desenvolvimento Analítico/Otimização e Experimentos.

4 h

Dia 3

Desenvolvimento Analítico/Otimização e Experimentos.

4 h

Software (Xcalibur ou TraceFinder).

4 h

Dia 4

Revisão, Dúvidas e Questionamentos

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:

Curso de Tecnologia Orbitrap e suas aplicações. Espectrômetro de massa - Exactive Plus / LTQ Orbitrap XL / Q Exactive Plus / Fusion Tribrid

Fundamentos:

O Orbitrap foi apresentado pela primeira vez como uma curiosidade científica em uma conferência da Sociedade Americana de Espectrometria de Massas (ASMS) em 1999 (Makarov, 2000), pouco tempo depois foi lançado ao mercado no ano de 2005, atuando como um analisador de alta resolução, exato e compacto no espectrômetro do tipo LTQ Orbitrap. Desde então muitos instrumentos baseados nesta tecnologia foram produzidos e se tornou uma realidade em laboratórios analíticos de todo mundo (Makarov et al., 2006).
O Orbitrap herdou algumas características de seus parentes mais velhos como o FT-ICR, onde o princípio de detecção é a partir da órbita dos íons armazenados utilizando a transformada de Fourier. Porém a tecnologia Orbitrap e suas ferramentas também evoluíram, com o passar do tempo. E as principais ferramentas e melhorias estão descritas a seguir.
O analisador de massas Orbitrap é composto por um eletrodo externo em forma de barril com um raio máximo R2 e um eletrodo fusiforme central ao longo do eixo de raio R1. Nesse aparato, o eletrodo externo é mantido neutro e o eletrodo central mantido com uma corrente direta fixa, o esquema do analisador é representado na Figura 1. Neste analisador, quando se diminui a distância entre o eletrodo interior e o exterior, juntamente com uma elevada frequência de oscilação entre os íons, tem-se como resultado um maior poder de resolução por tempo fixo de aquisição (Makarov, 2009).

Objetivo:

Este curso tem como objetivo geral fornecer um conhecimento mais amplo a usuários da tecnologia Orbitrap que necessitam melhorar suas habilidades na utilização dos sistemas com  high-resolution, accurate-mass (HR/AM)  através de uma abordagem teórica e prática.

O objetivo específico é demonstrar como se trabalhar com os sistemas HR/AM com analisadores de massa do Orbitrap, e a melhor utilização dos recursos fornecidos pelos softwares (Xcalibur / TraceFinder). Além disso, as aulas práticas irão abordar os aspectos relacionados as manutenções de rotina e discussões sobre as soluções para os principais problemas que podem ser encontrados.

Público Alvo:

Este curso será oferecido para profissionais que necessitam consolidar conhecimentos básicos teóricos e específicos práticos nos sistemas com analisadores de massa do tipo Orbitrap.

Pré requisitos:

Para melhor compreensão dos pontos abordados no curso é conveniente que os participantes tenham conhecimento intermediário sobre as técnicas de cromatografia líquida e espectrometria de massas convencionais. Outra recomendação importante: o sistema LCMS no qual será ministrado o curso deverá estar em plena operação.

Programa:

Dia 1

Teoria sobre o analisador Orbitrap

4 h

Apresentação do sistema LC HR/AM .

4 h

Dia 2

Configuração do sistema MS e calibrações.

4 h

Desenvolvimento Analítico/Otimização e Experimentos.

4 h

Dia 3

Desenvolvimento Analítico/Otimização e Experimentos.

4 h

Software (Xcalibur ou TraceFinder).

3 h

Manutenção geral do sistema LC HR/AM

1 h

Dia 4

Revisão, Dúvidas e Questionamentos

4 h

 

 

Preencha os campos abaixo para um orçamento sem compromisso:

Nome:
Empresa:
E-mail:
Telefone:
 
Segurança:


Botao voltar

 

 

 

Facebook Analítica Youtube Analítica Linkedin Analítica